quinta-feira, 29 de agosto de 2013

EM GRANDE ESTILO, ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA LEVA TANGO À CIDADE DAS ARTES, NA BARRA DA TIJUCA, EM DUAS APRESENTAÇÕES (NA SEXTA 31/08 E NO SÁBADO 01/09/2013)

Programa regido por Carlos Prazeres marca início da temporada da série Iberê e será apresentado 
neste sábado (20h) e domingo (11h), 
com ensaio aberto gratuito na sexta-feira

O bandoneonista argentino Daniel Binelli e a pianista uruguaia Polly Ferman são os solistas convidados

 artistas: Daniel Binelli e Polly Ferman - foto: divulgação

Pela primeira vez, a Orquestra Petrobras Sinfônica se apresenta no Teatro de Câmara das Cidade das Artes, na Barra da Tijuca. A apresentação será no sábado (31/08), às 20h, com repetição no domingo (01/09), às 11h. Em julho, o grupo se apresentou pela primeira vez na Grande Sala da Cidade das Artes, com ingressos esgotados.

Com regência do maestro Carlos Prazeres, que foi assistente de Isaac Karabtchevsky na OPES entre 2005 e 2012 e hoje é regente titular da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), o concerto terá o bandoneonista argentino Daniel Binelli e a pianista uruguaia Polly Ferman como solistas convidados. O duo é criador do projeto “Orquestango”, que apresenta o melhor da música de Binelli, Piazzolla, Salgán e Ginastera por todo o mundo, junto a conjuntos sinfônicos e grupos de câmara.

No programa, estão as obras “Five Tango Sensations”, “Libertango” e “Fracanapa” (Astor Piazzolla), “Imagens de Buenos Aires” e “Homenagem ao Tango” (Daniel Binelli), “El Choclo” (Ángel Villoldo) e “Don Agustin Bardi” (Horacio Salgán).


Ensaio Aberto gratuito na véspera 

Na véspera, sexta-feira (30), a Orquestra Petrobras Sinfônica realiza seu Ensaio Aberto ao público com o repertório deste concerto e entrada franca, às 16h, na Fundição Progresso, na Lapa. Os Ensaios Abertos da Petrobras Sinfônica são sempre seguidos do Conversa ao Pé do Palco, quando o público é convidado a conhecer os músicos e seus instrumentos em um clima de descontração.


OS ARTISTAS

Carlos Prazeres 
Um dos mais requisitados maestros brasileiros de sua geração. Regente titular da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), é também regente convidado principal da Orquestra Petrobras Sinfônica (OPES) no Rio de Janeiro, na qual foi assistente de Isaac Karabtchevsky entre 2005 e 2012. Tem dividido o palco com artistas como Ramón Vargas, Antonio Meneses, Heléne Grimaud, Rosana Lamosa, Ilya Kaler, Jean-Louis Steuerman, Fábio Zanon, Augustin Dumay, Wagner Tiso, Gilberto Gil, João Bosco, Ivan Lins, Stanley Jordan e Milton Nascimento. Como maestro convidado, Prazeres tem dirigido importantes conjuntos sinfônicos, tais como a Orchestre National des Pays de la Loire na França, Sinfônica de Roma, Sinfonica Siciliana, Orquestra Cherubini, Youth Orchestra of the Americas, Junge Philharmonie Salzburg, Filarmônica de Buenos Aires, Filarmônica de Montevideo e Filarmônica de Bogotá.

Daniel Binelli e Polly Ferman

O duo uniu seus talentos em 2000 para divulgar estilos como tango, milonga, candombe e outros gêneros latino-americanos por meio da combinação entre o bandoneon e o piano. Já tocaram juntos em cidades como Tóquio, Pequim, Xangai, Roma, Paris e Nova Iorque. A dupla também levou masterclasses sobre tango e música argentina para os Estados Unidos, Canadá, Japão e China. Daniel e Polly têm o projeto “Orquestango”, que apresenta o melhor da música de Binelli, Piazzolla, Salgán e Ginastera junto a conjuntos sinfônicos e grupos de câmara. Juntos, os artistas gravaram “Imágenes de Buenos Aires”, “Orquestango” I e II e “New Tango Vision”.


Sobre a Orquestra

Aos 41 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra conta com uma formação de mais 80 instrumentistas e tem como Diretor Artístico e Regente Titular o maestro Isaac Karabtchevsky, o mais respeitado regente brasileiro e um nome consagrado no panorama internacional. A orquestra realiza a maior parte de sua temporada no Rio de Janeiro com suas séries tradicionais que homenageiam grandes nomes da pintura brasileira: Djanira e Portinari e Iberê Camargo além da série Mestre Athayde, com concertos gratuitos nas igrejas do Rio.


Modelo de gestão
  
A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra a orquestra, possui uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos. 
 

Sustentabilidade

Desde 2009, a emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE) gerada pelos espetáculos da Orquestra Petrobras Sinfônica é quantificada e neutralizada por meio do plantio e manutenção de árvores nas áreas rurais do Estado do Rio. 


Sobre a PETROBRAS

A Petrobras patrocina a Orquestra Petrobras Sinfônica há 26 anos. A principal frente de atuação do patrocínio cultural da companhia é o Petrobras Cultural. Completando dez anos em 2013, é o maior programa de patrocínio cultural já lançado no país. A Petrobras busca contribuir para o fortalecimento das oportunidades de criação, produção, difusão e fruição da cultura brasileira, para a ampliação do acesso dos cidadãos aos bens culturais e para a formação de novas plateias.


Outros Apoios e Patrocínios 

A Petrobras Sinfônica conta ainda com os apoios culturais de: Avianca, UCI, Consulado da Argentina, Metrô Rio, WineBrands, Porto Bay Hotels e Rádio MEC FM.


Programa 

Carlos Prazeres, regente
Daniel Binelli, bandoneon
Polly Ferman, piano

Astor Piazzolla
Five Tango Sensations

Daniel Binelli
Imagens de Buenos Aires
Homenagem ao Tango 

Ángel Villoldo
El Choclo

Astor Piazzolla
Libertango
Fracanapa

Horacio Salgán
Don Agustin Bardi




Serviço - Ensaio aberto

Datas: 30/08 (sexta-feira), às 16h
Local: Rua dos Arcos 24 – Lapa / RJ
Telefone: (21) 2220-5070
Capacidade: 90 pessoas
Entrada gratuita, distribuição de senhas às 15h      
Classificação etária: livre


Serviço – Apresentações no Teatro de Câmara

Datas: 31/08 (sábado), às 20h, e 01/09 (domingo), às 11h
Local: Cidade das Artes – Teatro de Câmara
Endereço: Av. das Américas 5.300 - Barra da Tijuca
Ingressos: R$30 (preço único, com meia-entrada para estudantes e idosos). À venda na bilheteria e pelo site Tickets for Fun.
Telefone: (21) 3410-2768
Bilheteria: de terça a sexta-feira 13h – 21h, sábado e domingo 12h – 20h, em dias de espetáculo até 0h
Capacidade: 450 lugares
Classificação: livre

Conheçam o site da Orquestra Petrobras Sinfônica.

fonte: assessoria de imprensa

TEATRO CAFÉ PEQUENO RECEBE PAULO MONARCO E DANDARA, NO SHOW "DOIS TEMPOS DE UM LUGAR", SOMENTE NOS DIAS 04 E 05 DE SETEMBRO/2013

Mostra Paulicéia Carioca

apresenta

Paulo Monarco e Dandara em

Dois Tempos de um Lugar

Dias 04 e 05 de setembro, às 20h, 
no Teatro Municipal Café Pequeno

 foto: Manu Oristanio

Nas quartas e quintas-feiras de 28 de agosto a 19 de setembro, o Teatro Municipal Café Pequeno recebe grupos da nova cena da MPB de São Paulo. A Mostra Paulicéia Carioca convida cinco grupos paulistas para os palcos cariocas.

A dupla Paulo Monarco e Dandara apresenta o show Dois Tempos de um Lugar, nos dias 04 e 05 de setembro. No espetáculo, personagens que se entrelaçam através das canções, dão vida à história de dois jovens artistas e suas inquietudes. A inquietude e a necessidade de se reinventar - que hora ou outra leva pessoas a se reconhecerem no caminho - é que conduzem esse encontro de Paulo Monarco e Dandara.

A história é longa, apesar da pouca idade, e traz consigo algo fundamental: a força dos grandes artistas, sempre apontando para a reinvenção, provocando, arriscando. No repertório, canções de Paulo Monarco e seus parceiros e de outros compositores como Mauricio Pereira, Túlio Borges, Bernardo Bravo, Du Gomide e Celso Viáfora. Com participação de Marcelo Pretto, direção cênica e roteiro de Maristela Chelala.


SOBRE PAULO MONARCO E DANDARA

Dandara é um caso raro de cantora com características muito próprias. Além de uma técnica apurada e timbre de voz incomum, é uma intérprete vigorosa, de presença de palco forte e sensivel. Aos 22 anos de idade e 6 anos de carreira, já foi diversas vezes premiada em festivais de música brasileira por todo país. Destes prêmios destacam-se o 1º Lugar no 36º Festival de Música Brasileira de Ilha Solteira com a música “Pirataria”, que compôs com sua mãe, Ieda Varejão, e o Prêmio Musique do Estadão Edição Tom Zé, no qual foi intérprete de “Pavana Para Uma Terra Viva” canção vencedora escolhida pelo próprio Tom Zé.

Em sua formação musical, Dandara passou pela ULM (Escola de Música do Estado de São Paulo Tom Jobim), Pat Escobar, Jeane LoVetri (New York/USA) e outros. Em 2013 o produtor e DJ alemão Markus Popp lançou na Europa, Estados Unidos e Japão o disco “Calidostópia”, no qual Dandara participa como cantora e compositora em 5 faixas.

Paulo Monarco iniciou sua trajetória em Cuiabá, onde participou de muitos trabalhos como compositor, músico, arranjador, diretor, produtor, e, principalmente como intérprete de suas próprias canções. Em 2009 lançou (no teatro do SESC Arsenal, em Cuiabá) a edição limitada do EP “Malabares com Farinha”. Desde então, iniciou constantes excursões pelo interior do Brasil, percorrendo várias regiões e se apresentando em festivais – Fampop e Prêmio Botucanto -, mostras e feiras de música - Femucic, Feira da Música de Fortaleza e Conexão Vivo. Como compositor teve músicas gravadas por proeminentes artistas da cena paulistana como Graça Cunha, Celso Viáfora e Pedro Viáfora. Já se apresentou em importantes teatros e casas de show em São Paulo, como Memorial da América Latina e Tom Jazz. Vem trabalhando na gravação do seu álbum solo “Inteiro”, com direção musical de Swami Jr., repleto de parcerias inéditas, com Celso Viáfora, Dulce Quental, Suely Mesquita, Zeca Baleiro, e com produção de Tó Brandileone e Bruno Giorgi.


SERVIÇO

Dias 04 e 05 de setembro (quarta e quinta-feira), às 20h
Local: Teatro Municipal Café Pequeno 
(Av. Ataulfo de Paiva, 269 – Leblon)Telefone: (21) 2294-4480Horários: quarta e quinta-feira, às 20hIngressos: R$30,00
Bilheteria: de quarta a domingo, das 16h até o início do espetáculo
Capacidade: 80 lugaresClassificação indicativa: 18 anosDuração: 80 minutos

*A casa possui um café que serve bebidas e porções e abre sempre 01 hora antes do espetáculo.

Visitem a página no Facebook: Paulicéia Carioca.

fonte: assessoria de imprensa

COMÉDIA "É DOS CARECAS QUE ELAS GOSTAM MAIS" CHEGA AO TEATRO CAFÉ PEQUENO, NO LEBLON/RJ

Quatro carecas ocupam o Teatro Municipal Café Pequeno para desabafar, com muito bom humor, as delícias 
e desafios de não ter cabelo
  
foto: divulgação

Alvo constante de apelidos como “aeroporto de mosquito” ou “kinder ovo”, quatro carecas resolveram se rebelar e mostrar à sociedade não apenas os seus dilemas, mas as vantagens de serem desprovidos de cabelo. Orquestrado como o primeiro encontro brasileiro de Carecas Anônimos (C.A.), o espetáculo É dos carecas que elas gostam mais traz ao público um debate bem-humorado sobre as diferenças e preconceitos decorrentes da ditadura da beleza. O espetáculo reestreia no dia 31 de agosto, sábado, no Teatro Municipal Café Pequeno, no Leblon, às 20h.

A peça é feita de depoimentos, como numa sessão de análise, onde questões como vaidade, a busca desenfreada pela perfeição e muitas vezes a exposição ao ridículo são apresentadas ao público que é convidado a participar desse debate num jogo cênico onde a plateia se depara com suas próprias limitações e visões forjadas por uma indústria da beleza.

A ideia da peça surgiu da grande repercussão do blog Elas Gostam dos Carecas, criado por Marcos França, para debater as alegrias e desafios de quem já não conta mais com uma vasta cabeleira na cabeça. Ao perceber que o assunto gerava bastante comoção entre os leitores, Marcos teve a ideia de transformar o projeto em uma peça de teatro, bem humorada. Em cena os  carecas Marcos França, Eber Inácio, Juliano Almeida e Paulo Fracassi, que dão vida aos personagens e suas angústias sob a direção de Pedro Monteiro.

No blog, comecei a confidenciar as desventuras de um desprovido de cabelo. Com a grande repercussão nas redes sociais, o blog serviu de ponto de encontro para quem partilhava das mesmas questões. A partir dessa ideia simples e com muito humor, o blog trouxe à tona uma reflexão sobre preconceito e exclusão social que agora trazemos para o palco, conta Marcos França.

Ao invocar de forma bem humorada as questões que cercam o universo dos que não possuem cabelo, a peça instiga a plateia a fazer uma reflexão acerca de todos os preconceitos e julgamentos que praticamos em função da aparência de alguém ou da posição que esta pessoa exerce na sociedade. 

 
Sobre o autor Marcos França

Marcos França é ator e dramaturgo. Entre os seus textos mais significativos, destacam-se “Na rotina dos bares”, musical sobre a história da boêmia carioca; “Aquarelas do Ary”, musical sobre Ary Barroso (indicado para o 2o prêmio Contigo de teatro 2008 na categoria Melhor Espetáculo Musical Nacional); “Ai, que saudades do Lago”, sobre Mário Lago (indicado para o 1o Prêmio Contigo de teatro 2007 – Melhor Espetáculo Musical Nacional); “A Noite é uma criança”, musical sobre a vida de Antônio Maria (indicado pelo Jornal O Globo como umas das 10 melhores peças do ano de 2004); “A Rua dos Cataventos”, sobre a obra de Mario Quintana; “Drummond – O homem por trás dos óculos”, espetáculo comemorativo pelo centenário de Carlos Drummond de Andrade e “Viagem à Terra dos Papagaios”, espetáculo comemorativo dos 500 anos do Brasil.


Sobre o diretor Pedro Monteiro

Pedro Monteiro é graduado pela Escola de Artes dramáticas da UNIVERCIDADE. Começou a estudar interpretação em 1994 no Tablado. Teve como professores Cico Caseira, Cacá Mourthé e Antônio Amâncio. Em seguida fez trabalhos com Bernardo Jablonski, Fabiana Valor, Ulysses Cruz e Gracindo Junior. Em televisão participou de novelas, séries e programa de humor. Já em publicidade esteve em inúmeras campanhas. 

 Em 2008 Resolveu então colocar uma idéia no papel, gastar dinheiro do próprio bolso e juntar meia dúzia de ruivos.  Assim estreou "Os Ruivos". Inicialmente prevista para 4 apresentações a peça que já se apresentou no Rio de janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais caminha para a sessão 150. A iniciativa ganhou tanta força que impulsionou a criação do Movimento dos ruivos e o site. Com tanto fôlego irá se transformar  num longa-metragem produzido pela cavídeo.  Pedro Monteiro além de atuar dirigiu e roteirizou o longa "Vida de Balconista" com Mateus Solano que teve sua estreia no Festival do Rio de 2009, a série para TV “Mateus o Balconista” em exibição no canal MIXTV e lançada em DVD para todo o Brasil e apresenta o programa de rádio “Humor de Segunda” na 94.1 FM.


SINOPSE

Durante uma reunião de terapia em grupo, os “Carecas Anônimos”, quatro sofridos homens expõem para a plateia seus sentimentos em depoimentos tocantes. Eles revelam sofrimentos pessoais, contam casos e abrem seu coração. Um resgate histórico e humano desses seres especiais desde a pré-história até os dias de hoje.


FICHA TÉCNICA

Texto: MARCOS FRANÇA
Direção: PEDRO MONTEIRO
Elenco: BRUNO GANEM, EBER INÁCIO, JULIANO ALMEIDA E PAULO FRACASSI
Cenário e Figurino: NATÁLIA LANA E MARIETA SPADA
Iluminação: FERNANDA MANTOVANI
Videografismo: LEONARDO MIRANDA
Trilha Sonora Original: MARCELO REZENDE
Programação Visual: GUILHERME FERNANDES
Assessoria e gerenciamento de redes sociais: ANDRE MIZARELA
Assessoria de Imprensa: CADERNO IMAGEM COMUNICAÇAO INTEGRADA
Direção de Produção: ANA PAULA ABREU E RENATA BLASI
Produção: DIÁLOGO DA ARTE PRODUÇÕES CULTURAIS


SERVIÇO


É dos Carecas que Elas Gostam Mais

Estreia: 31 de agosto, sábado, às 20h
Temporada: de 31 de agosto a 08 de setembro de 2013
Horários: de sexta a domingo, às 20h
Local:  Teatro Municipal Café Pequeno 
(Rua Ataulfo de Paiva, 269 – Leblon)
Bilheteria: de quarta a domingo, das 16h às 21h
Telefone: (21) 2294-4480
Duração: 50 minutos
Classificação: 18 anos
Ingressos: R$40,00
Capacidade: 80 lugares

fonte: assessoria de imprensa

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

OI FUTURO RECEBE A NONA EDIÇÃO DO FESTIVAL MULTIPLICIDADE, A PARTIR DE 29/08/2013

Na estreia, performance HD, instalação robótica 
          e lançamento de livro dedicado à geração Z

Daedelus

Criado e dirigido por Batman Zavareze, o Festival Multiplicidade estreia sua nona temporada no dia 29 de agosto, às 16h, com atrações dedicadas à geração Z, o “MULTI_KIDS”. Como o livro que será lançado deu espaço a "geração Z",  será aberto um diálogo cultural com crianças nascidas pós anos 2000 e que muito em breve nos conduzirá nesta transitória digital. 

Os livros serão dados aos seus autores (aos desenhistas de 10 meses a 12 anos que estão no livro) e a atividade terá games, performances e música para um público mais jovem. Este formato é influenciado por experiências de festivais maduros, com mais de uma década de vida, como Sónar, Ars Electronica etc, que passaram a receber os filhos dos pais frequentadores em sua programação, formando um novo público a ver as narrativas digitais.

Às 20h, o Oi Futuro no Flamengo será palco para um show audiovisual inédito do compositor, músico e produtor alemão Atom™, também conhecido como “Señor Coconut”. Considerado o pai da electro-latino e do action (acid-reggaeton), Uwe Schmidt ou Atom™ iniciou suas pesquisas musicais nos anos 80 e foi diretamente influenciado pelo pré-tecno quando assinava pelo pseudônimo de Atom Heart nas pistas dos anos 90. 
 
Além de suas próprias produções, ele já remixou e colaborou com artistas como Depeche Mode, Martin L. Gore, Air, Cesária Évora, Juan García Esquivel, Sketch Show, Towa Tei, Moreno Veloso, Fernanda Takai, Merzbow, Ryuichi Sakamoto e muitos outros. Atom™ e a sua performance HD estreou mundialmente em 2013 e mostra a evolução desta pesquisa estética musical entre máquina e homem, regida com uma precisa produção germânica. Seu show audiovisual remete a sonoridades clássicas eletrônicas dos anos 80 aos dias atuais. Saiba mais: Atom™

O livro da Coleção Arte & Tecnologia será lançado às 21h, trazendo textos de Fred Coelho, Ronaldo Lemos, Fausto Fawcett e Heloisa Buarque de Hollanda, entre outros, e ilustrações de crianças de 10 meses de idade a 12 anos.

Também a partir das 21h, e pela segunda vez no Festival Multiplicidade, o excêntrico artista eletrônico Daedelus irá apresentar seu mais novo projeto Archimedes no pátio externo do Oi Futuro. Archimedes é uma instalação robótica onde 24 espelhos interagem com a música viajante do artista. O americano Alfred Darlington, conhecido artisticamente como Daedelus, estudou música, especificamente jazz, numa universidade da Califórnia e participou de dezenas de LPs, EPs e remixes. Atualmente tem uma agenda super requisitada em festivais e pistas eletrônicas dos 4 cantos do planeta com seu contagiante set musical. Veja a instalação robótica Archimedes do Daedelus no YouTube.
 



SERVIÇO
Evento: FESTIVAL MULTIPLICIDADE

Data: 29 de agosto de 2013

Local: Oi Futuro do Flamengo

Endereço: Rua Dois de Dezembro, 63 - Flamengo
Telefone: (21) 3131-3060

Preços: R$ 20 (R$ 10 meia-entrada)

Os ingressos serão vendidos a partir do dia 27 de agosto, terça-feira, no Oi Futuro Flamengo e pela internet no Ingresso Rápido.


Informações: 
 
De Terça a Domingo, das 11h às 20h, no Oi Futuro Flamengo
BILHETERIA: de terça a domingo de 14h às 20h

Classificação etária: Livre

Curadoria: Batman Zavareze


Horários e programação:


16h às 19h - Multi_KIDS / Atividades lúdicas digitais (1º piso)

20h - Atom™ / Performance: HD (teatro)

21h - Lançamento do novo livro do Festival Multiplicidade 2012 (1º piso)

21h - Daedelus / Performance: Archimedes (área externa)

fonte: assessoria de imprensa

terça-feira, 27 de agosto de 2013

TIJUCA TÊNIS CLUBE PROMOVERÁ, EM OUTUBRO, EVENTO COM PARTE DA RENDA REVERTIDA PARA O COMBATE AO CÂNCER DE MAMA

 

Segundo lote de vendas começa na terça, 27/08/2013.
       PARTY IN PINK ZUMBATHON RIO

75% da renda será doada para a instituição "Susan G Komen", para pesquisas de prevenção ao câncer de mama.


DIA 05 DE OUTUBRO DE 2013
DAS 20h ÀS 00h
NO TIJUCA TÊNIS CLUBE
Rua Conde de Bonfim, n° 451 – pertinho da estação Praça Saenz Peña, na Tijuca/RJ

Ingressos (2° lote):

Individual: R$ 80,00
Casal: R$ 130,00
Idosos, crianças de 10, 11 e 12 anos e pessoas com necessidades especiais: R$ 40,00
 
Contato para vendas: 
camilarodrigues.rj_trab@hotmail.com

Compra de ingressos: 
depósito bancário
Itaú
Ag: 9088
C/C: 08758-1
Benef.: Camila Rodrigues da Silva

Os comprovantes de depósitos deverão encaminhados para o e-mail tmail.com>, com o nome completo do depositante, quantidade e tamanho das camisas, especificando os valores pagos. Serão aceitos apenas os depósitos cujos comprovantes forem encaminhados para o e-mail acima. (
está incluída no valor do ingresso uma camisa oficial da Zumba Party in Pink).
Rua Dr. Pereira dos Santos, 35 - Tijuca
Praça Saens Peña, Rio de Janeiro - RJ
Telefone: (21) 2268-7140

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta de 6 às 23h
Sábado 9 às 13h e 16 às 20h
Domingo 10 às 13h
Feriados 16 às 20h


Instrutor de Zumba responsável pelo evento
Professor Sebastião Barros Lima
https://www.facebook.com/sebastiao.barroslima

Colaboradores
Agnes Fanzone
Plinio Ramos

Produtora responsável:
Cami Rodrigues: (21) 7836-5026
camilarodrigues.rj_trab@hotmail.com
https://www.facebook.com/camila.rodrigues.3110567?fref=ts

Apoio
Academia Flexgym
Jornal da Dança

Confirmados
DJ Gabriel Leandro
DJ Arnald Rayado

Fonte: Ana Daniela Lemos

INSTITUTO LEGISLATIVO BRASILEIRO INAUGURA NOVO CURSO GRATUITO, SEM TUTORIA: "RELAÇÕES INTERNACIONAIS - TEORIA E HISTÓRIA"

O Senado Federal, por meio do Instituto Legislativo Brasileiro – ILB, oferece a você várias opções de cursos a distância e comunica a abertura de novo curso sem tutoria:  
Relações Internacionais – Teoria e História

Aberto ao público e gratuito.

 

Matriculem-se nos cursos do ILB!!!

fonte: Instituto Legislativo Brasileiro